amanhecer maravilha

Hoje comecei a aplicar uma técnica que chamei de Amanhecer Maravilha (mas também podes chamá-la de Amanhecer Espetacular, Manhã Maravilhosa ou como preferir!

Esta técnica foi adaptada da leitura de “The Miracle Morning for Writers”, redigido por Steve Scott, inspirado no livro The Miracle Morning the Hal Elrod.

Basicamente o que o livro ensina é uma técnica para acabar com a procrastinação e realizar aquilo que “importa muito” para nós mesmos logo ao acordarmos, no período matinal.

Para alcançar meus objetivos, hoje cumpri com a seguinte rotina:

Coloquei o despertador para acordar às 5:50 (acabei acordando espontaneamente às 5:48, mas meu cérebro disse “ah, que droga! perdi o horário: vou voltar a dormir”, e fui acordado de fato pelo despertador 2 minutos depois (outra hora explico como, mais tarde durante o banho, interpretei esta pegadinha do meu cérebro/corpo).

Levantei de um salto (sem me espreguiçar ou me alongar, que talvez tivesse sido uma boa escolha também), fui ao banheiro, escovei os dentes e tomei um copão de água.

Voltei para o quarto e fiz cerca de 15 minutos de exercícios (polichinelos e apoios – descrevo com detalhe em outro momento, já que hoje só determinei 20 minutos para escrita).

Depois dos exercícios, fui para um banho calmo e delicioso, cheio de pensamentos criativos e insights maravilhosos (insights estes que irei compartilhando com vocês ao longo dos próximos dias).

Às 6:26 já estava pronto para meditar. Me acomodei ao lado da cama, com meia luz do abajur do outro lado da sala, sentei em um cobertor enrolado e meditei por 15 minutos.

Então, chegou a vez da música: liguei minha Jackson no Tonebender Fuzz e no Blackstar ID Core BEAM Red Artisan e cantei junto com os passarinhos matinais. Comecei a tirar Sinister Purpose, do Creedence Clearwater Revival.

Depois da música, no meu Amanhecer Maravilha vem a escrita, que estou praticando agora. Ainda não tenho ciência de quantas palavras consigo escrever em 20 minutos, saberei disso mais tarde, e conto pra vocês.

Depois de escrever, chega aquela parte chata para muita gente, que é trabalhar. Trabalhar para mim é gostoso, porque escolhi algo que realmente gosto de fazer. A única coisa que me incomoda é que gosto muito de fazer o que fiz agora de manhã: meditar, exercícios, tocar, escrever! Amo ler, amo escrever! E como o trabalho com frequência entra em oposição a todo o resto (já que não vivo disso), muitas vezes acompanha o trabalho uma sensação de incômodo e de insuficiência.

Mas, no meu caso, é só parar para analisar e percebo que isso não tem a ver com o trabalho, que me dá prazer: tem a ver com o fato de eu não estar realizando com plenitude meus outros chamados. Não estar realizando, na intensidade desejada, as outras atividades que gostaria de estar fazendo.

E é pra isso que o Amanhecer Maravilha serve: para incluir no meu dia, de forma rotineira e sem desculpas, aquilo que sempre deixamos para depois, para outra hora do dia e, pelo surgimento de outros compromissos ou pelo cansaço, pelo esgotamento da motivação ao longo do dia, nem sempre acabamos fazendo.

Ao final deste exercício, cheguei a esta conclusão: vou organizar meu trabalho para começar às 9:00 ao invés das 8:00. Assim ganho, além da 1h que incluí antes do horário em que normalmente acordava, mais 1h para poder aumentar o tempo de escrita e incluir também o hábito da leitura já dentro do Amanhecer Maravilha.

Ah! Faz parte do processo também criar um Diário, que é este que você está lendo (ou vendo, se está assistindo ao vídeo).

Bem! Por hoje é só! Agora são 7:28 e vou filmar um vídeo rápido e depois zarpar para o trabalho!

Até amanhã!

BemEstarmômetro

O Medictando lhe ajuda a aumentar sua saúde, qualidade de vida, bem-estar e felicidade, colaborando para o bem viver da humanidade. Nos ajude a mapear o bem que produzimos! Informe no que este artigo lhe ajudou:

Share This

Hoje eu estou em busca de...

Saúde... Bem-estar... Qualidade de vida... Realização de um sonho... Felicidade... ...e quero INSPIRAÇÃO para chegar lá! 

You have Successfully Subscribed!