O café contém cafeína que é uma das substâncias psicoativas mais consumidas no mundo. A cafeína é um dos suplementos para queima de gordura mais conhecidos e é por uma boa razão. Ela é uma das poucas substâncias conhecidas por mobilizar gorduras dos tecidos adiposos e por acelerar o metabolismo.

24-10-16-site

Café contém estimulantes

O café não é somente uma água preta. As substâncias presentes no grão do café resistem até a hora de você fazer ele. Na verdade o café contém diversas substâncias biológicas ativas que podem afetar seu metabolismo: a cafeína (um estimulante do sistema nervoso central), teobromina e teofilina (substâncias relacionadas a cafeína e que também possuem um efeito estimulante) e o ácido clorogênico (uma dos compostos biológicos ativos do café que ajuda a desacelerar a absorção de carboidratos). A substância mais importante de todas é a cafeína, que é muito potente e muito estudada. O que a cafeína faz no cérebro é bloquear um neurotransmissor inibidor chamado de adenosina. Bloqueando a adenosina, a cafeína aumenta a liberação de neurônios e de neurotransmissores como a dopamina e a norepinefrina.

O café ajuda a mobilizar gorduras nos tecidos adiposos

A cafeína estimula o sistema nervoso, que é o responsável por mandar sinais diretos para as células gordurosas dizendo para que elas quebrem as gorduras. Outra coisa que a cafeína faz é aumentar os níveis do hormônio epinefrina no nosso sangue, também conhecida como adrenalina. A epinefrina viaja pelo nosso sangue até os tecidos adiposos e manda sinais para que a gordura seja quebrada e despejada no sangue. É assim que a cafeína ajuda a mobilizar gordura dos tecidos adiposos, tornando elas disponíveis para serem usadas como ácidos fáticos no sangue.

Café pode acelerar o metabolismo

Quantas calorias nós queimamos é chamado de Índice do Metabolismo Parado (RMR em inglês). Quanto maior for esse índice, mais fácil para a gente perder peso e mais podemos comer sem ganhar muito peso. Estudos mostram que a cafeína pode acelerar o metabolismo em cerca de 3-11%, com doses maiores tendo mais efeitos. O que é interessante de notar é que muito desse aumento se deve à queima de gordura. Infelizmente esse efeito não é tão grande em quem é obeso. Em um estudo o aumento de gordura em pessoas magras foi de 29% enquanto em pessoas obesas foi cerca de 10%. O efeito também parece diminuir com o passar dos anos.

Café e perda de peso a longo prazo

Existe um embargo aqui que é o fato de que as pessoas se tornam tolerantes ao efeito da cafeína. Em curto prazo a cafeína pode acelerar o metabolismo e aumentar a queima de gordura, mas depois de um tempo as pessoas se tornam tolerantes aos efeitos e isso para de funcionar. Mas mesmo que o café não faça mais você perder tantas calorias em longo prazo, ainda existe a possibilidade dele fazer você comer menos. O café e a cafeína te ajudarem a perder peso a longo prazo é uma questão muito individual. Até agora não existem estudos que comprovem essa relação à longo prazo.

BemEstarmômetro

O Medictando lhe ajuda a aumentar sua saúde, qualidade de vida, bem-estar e felicidade, colaborando para o bem viver da humanidade. Nos ajude a mapear o bem que produzimos! Informe no que este artigo lhe ajudou:

Share This

Hoje eu estou em busca de...

Saúde... Bem-estar... Qualidade de vida... Realização de um sonho... Felicidade... ...e quero INSPIRAÇÃO para chegar lá! 

You have Successfully Subscribed!