Uma boa alimentação é essencial para a nossa saúde estar em dia. Comer alimentos não saudáveis podem fazer você se sentir mal, fazer você ganhar peso e te dar diversos outros problemas de saúde. Conheça seis componentes que você deve evitar consumir em qualquer refeição do seu dia.

Açúcar refinado e alimentos ricos em frutose

Óbvio que não é surpresa alguma o açúcar estar no topo da lista. Nas últimas décadas o açúcar se tornou um alimento não saudável porque ele fornece calorias vazias. O açúcar refinado possui muitas calorias e nenhum nutriente presente nelas. Mas essa é só a ponta do iceberg. Novos estudos indicam que o excesso do consumo de açúcar pode levar ao desenvolvimento de doenças que afetam milhões de pessoas: obesidade, diabetes, problemas no coração e até câncer. Um novo estudo revela que o açúcar pode ser responsável pelo seu ganho de peso. As calorias da frutose (50% do açúcar é frutose) não te acrescenta em absolutamente nada – é zero nutrientes. E existe uma razão para ser tão difícil se livrar do açúcar. Ele é viciante e te leva a ficar desejando consumi-lo o tempo todo.

Woman Running Away from Junk Food

Gorduras trans

As gorduras trans, também conhecidas como gorduras hidrogenadas ou parcialmente hidrogenadas, são gorduras insaturadas que foram modificadas quimicamente para aumentar a sua validade e fazer com que sejam sólidas em temperaturas ambiente. Esse processo requer a utilização de gás de hidrogênio em pressões muito altas. As gorduras trans possuem níveis pequenos e densos de colesterol LDL (o ruim) e poucos níveis de HDL (o bom), além de aumentarem a gordura abdominal e o possível desenvolvimento de doenças bem severas.

Óleos vegetais ou sementes

Normalmente mostrados como comidas saudáveis, óleos de sementes e vegetais são ruins para a nossa saúde, como os de soja e de milho. Esses óleos contém gorduras em abundância, além de possuírem muitos ácidos fáticos de ômega-6. O problema é que precisamos de ômega-6 e ômega-3 em uma certa quantia para melhorar as funções do nosso corpo. Comer muito ômega-6 e pouco ômega-3 pode levar você a ter inflamações e a desenvolver outras doenças. Consumir em excesso esses óleos oriundos de vegetais e sementes pode causar até câncer. Portanto, tenha cuidado.

Adoçantes artificiais

Até produtos que possuem poucas calorias ainda podem te prejudicar e isso serve especialmente para os adoçantes artificiais. Consumir eles possuem relações consistentes  com o desenvolvimento de diversas doenças como síndromes metabólicas, obesidade e diabetes tipo 2. Esses estudos não comprovam que os adoçantes artificiais sejam a causa dessas doenças, mas provam que consumir eles contribui para que elas se desenvolvam. Se você precisar adoçar alguma coisa utilize a stevia, que pode te ajudar a controlar o controle glicêmico e a pressão sanguínea.

Qualquer coisa intitulada diet e light

Muitos produtos que são chamados de diet e light na verdade possuem muito mais porcaria na sua composição dos que os considerados “normais”. Produtos diet e light são propaganda enganosa. Não os consuma.

Comidas altamente industrializadas

Comidas altamente processadas são pobres em nutrientes e cheias de ingredientes ruins e químicos artificiais. Se o rótulo do produto contém mais do que cinco ingredientes ou muitas palavras que você não entende, provavelmente esse produto será ruim para você. Comida de verdade não precisa de uma lista de ingredientes. Elas são o próprio ingrediente.

Esperamos que você aproveite estas dicas de alimentos a se evitar. E lembre-se: comida de verdade sempre será a melhor escolha.

Créditos de imagem: Shutterstock

BemEstarmômetro

O Medictando lhe ajuda a aumentar sua saúde, qualidade de vida, bem-estar e felicidade, colaborando para o bem viver da humanidade. Nos ajude a mapear o bem que produzimos! Informe no que este artigo lhe ajudou:

Share This

Hoje eu estou em busca de...

Saúde... Bem-estar... Qualidade de vida... Realização de um sonho... Felicidade... ...e quero INSPIRAÇÃO para chegar lá! 

You have Successfully Subscribed!