captura-de-tela-2016-10-22-as-00-00-56

Que alegria inaugurar essa coluna antes da viagem para a nossa terra dos sonhos, onde o “Bioconstruindo o lar doce lar” terá suas raízes bem fincadas!

Sou Jana Carvalho, carioca, fruto de uma família simples e amorosa, sempre tive contato e um enorme respeito pela natureza. Desde cedo eu tinha uma vida “dupla” entre a cidade do Rio de Janeiro e o sítio que pertenceu aos meus avós por parte de pai, sendo minha principal referência dentro de um lar rural e bem próximo das plantas e dos animais!

Quando meus pais se separaram, o ir e vir se tornou ainda mais frequente, pois papai passou a morar ali no sítio, portanto estar com ele também representava a liberdade de estar em comunhão com a minha essência natural!

Quando eu era adolescente, papai comprou um outro sítio na serra de Jaceruba, onde não havia luz. A paz reinava ao som das águas da cachoeira, isso sem falar do ruído suave do vento quando colocava bambuzal para dançar a noite.

Só se chegava a  pé, aliás era um desafio chegar lá em cima, talvez essa já fosse uma preparação do universo, para alongar minha resiliência e me tornar uma peregrina na vida!

Uma “aventura inesquecível” que guardo com carinho, foi participar de um mutirão que reunia uma dezena de pessoas para construir uma casinha de taipa.

Na pele de quem tinha doze anos, esse foi um evento de muita farra e barro voando para todos os lados, porém a satisfação de ter construído algo tão real e básico, uma casa, me tocou profundamente! Senti ao mesmo tempo, que tinha feito parte da realização de um projeto maior, especial e tão subjetivo quanto aquele cenário mágico.

Ajudei a erguer um verdadeiro L A R, um local onde havia a harmonia e o respeito às leis da natureza, onde as pessoas viviam e sentiam-se bem.

Hoje, depois de décadas vivendo no confinamento da capital, sei que falta pouco para chegar a minha hora de inverter a mão dessa vida “dupla”, que desde menininha eu levo, entre a cidade e o campo!

Estou em vias de realizar o sonho de deixar a cidade!

O primeiro passo foi dado, eu e minha companheira encontramos e compramos um lugar para sediar o meu e o projeto de vida dela também!!! Estamos dispostas a construir a vida que tanto sonhamos!

Trata-se de um verdadeiro projeto de vida, onde possamos estar em contato direto com a terra, produzindo nossos alimentos, morando numa casa simples, confortável e saudável, num lugar onde as pessoas tenham mais sensibilidade e respeito ao meio ambiente!

Desejo uma vida simples, serena, com mais qualidade e amor!

Há poucos meses, compramos o lugar onde o nosso sonho será esculpido! Nossa terra mede 1100m2, está situada na Serra da Mantiqueira, no estado de São Paulo, no município de Piracaia, mais precisamente na Ecovila Clareando.

Estamos super felizes, porém nos organizando emocionalmente, para materializar o projeto da casa que seja coerente aos nossos valores pessoais, que tenha a nossa cara e seja um verdadeiro LAR DOCE LAR! Um local de harmonia e respeito a natureza, onde possamos viver bem.

Essa é uma experiência muito nova para nós, pois nunca construímos uma CASA do zero.

A casa será o marco para nossa transição de vida, por isso ela tem um grande significado para nós! Definimos que desde sua concepção até a ocupação do lar, haverá uma preocupação ecológica, em todo o processo.

Esse é um estilo de construção sustentável, que chamamos de BIOconstrução, por fazer o uso de material natural, reaproveitando ao máximo os recursos disponíveis no local e gerando o mínimo de impacto ambiental possível.

Decorar ou fazer pequenas alterações num apartamento na cidade, onde nos adaptamos ao espaço já existente é uma coisa. Outra coisa é traduzir nossa filosofia de vida, descrever nossos hábitos, necessidades e expectativas, para que uma arquiteta possa ter elementos suficientes, para criar um projeto do zero, que servirá como base para nortear a construção da nossa casa.

Escolhemos a arquiteta que mora em Piracaia, ela fará o nosso projeto de arquitetura e acompanhará as etapas principais durante a obra.  No dia 26 de outubro teremos a nossa segunda reunião com ela e veremos o que ela criou a partir do que lhe pedimos!

Em nossa primeira reunião, foi esboçado um estudo a partir de um projeto que idealizamos, mas que tinha muito da nossa “mentalidade de apartamento” aplicado numa estrutura de casa! Só nos demos conta da gafe, depois de conversar com alguns anjos da guarda, profissionais desse ramo da construção, que nos questionaram…

Confesso que nossa “aceleração urbana”, misturada com nossa inexperiência e ansiedade nos levou a esse despertar!

Sinto que a cada passo dado, me abasteço de novas experiências e descobertas, adicionando um novo “tijolo” em forma de aprendizado, na construção desse NOVO SABER!

Na própria ecovila temos um morador que é bioconstrutor, ele coordenará a execução de todas as etapas da obra, até que a casa esteja pronta.

Enquanto a obra não começar, ficarei nesse vai e vem entre Rio e São Paulo até que definamos o projeto base. Ainda não há sequer um projeto definido, o que dirá um cronograma…tudo no seu tempo!

Essa coluna mostrará os bastidores do processo de BIOconstrução do nosso lar doce lar, junto com muitos aprendizados, que serão adquiridos por demanda e quase que em tempo real.

Estou certa de que no próximo mês, depois de nosso encontro com a arquiteta, terei novidades para compartilhar!

Criei um breve vídeo para ilustrar como tem sido a evolução dos nossos estudos, fatos e fotos da nossa terrinha!

Abraços fraternos,

Jana Carvalho

www.janacarvalho.com

BemEstarmômetro

O Medictando lhe ajuda a aumentar sua saúde, qualidade de vida, bem-estar e felicidade, colaborando para o bem viver da humanidade. Nos ajude a mapear o bem que produzimos! Informe no que este artigo lhe ajudou:

Share This

Hoje eu estou em busca de...

Saúde... Bem-estar... Qualidade de vida... Realização de um sonho... Felicidade... ...e quero INSPIRAÇÃO para chegar lá! 

You have Successfully Subscribed!