Comer muito açúcar é ruim para a sua saúde. Está diretamente ligado a doenças como obesidade, diabetes tipo dois e doenças do coração. O pior de tudo é que pesquisas recentes mostram que muitas pessoas já estão comendo açúcar em grandes quantidades. Porém a maioria dessas pessoas não está comendo o açúcar em seu estado in natura. A maior parte do açúcar que consumimos está escondida dentro de diversas embalagens de comidas industrializadas, muitas delas consideradas saudáveis.

Aqui estão algumas maneiras encontradas pelas empresas do ramo alimentício para esconder o açúcar no rótulo de seus produtos.

acucar-escondido-site

Chamar o açúcar de outro nome

Açúcar é o nome geral dado para carboidratos de cadeias carbônicas pequenas que deixam os alimentos com um gosto doce. Porém, o açúcar tem diversas formas e diversos nomes. Você talvez consiga reconhecer alguns deles como glicose, frutose e sacarose. Outros são um pouco mais difíceis de identificar. O fato de que as companhias usam diversos tipos de açúcar, especialmente com nomes incomuns, dificulta que identificamos o açúcar no rótulo.

 

  • Açúcares secos:

    Para ajudar você a parar de comer muito açúcar sem querer, preste atenção nesses nomes e confira os rótulos: malte de cevada – Açúcar de beterraba – açúcar mascavo – açúcar de manteiga – cristais do suco de cana – cana de açúcar – açúcar refinado – açúcar demerara – açúcar de coco – adoçante de milho – frutose cristalina – maltol – concentrado de fruta – açúcar invertido – maltodextrina – maltose – melaço – melado – açúcar em pó – açúcar de confeiteiro

  • Xaropes de açúcar:

    O açúcar pode estar presente em um alimento, muitas vezes, na forma de xarope. Muitas vezes o xarope é utilizado para engrossar líquidos que são feitos com base em açúcar derretido na água. Eles são utilizados para adoçar uma variedade de alimentos, mas estão presentes normalmente em bebidas geladas e outros líquidos. São eles: néctar de agave – xarope de alfarroba – mel – xarope de milho – xarope de frutose – xarope de malte – xarope de boldo – xarope de aveia – xarope de arroz.

 

O açúcar ainda pode estar presente nos rótulos com outros nomes que não estão presentes nesse texto. Portanto se você ler o rótulo e não reconhecer algum ingrediente, joga no Google.

Resultado de imagem para rótulo

Usar diversos tipos de açúcar

Os ingredientes listados nos rótulos começam com os presentes em maiores quantidades. Isso significa que quanto mais tiver daquele composto no alimento, mais no início do rótulo ele irá aparecer. Muitas empresas, para terem produtos considerados saudáveis, utilizam quatro ou cinco tipos de açúcar em um produto só. Assim, esses ingredientes aparecem mais para o final da lista dos ingredientes, o que dá a ideia de que esse produto não possui quase nada de açúcar quando na verdade, ele possui muito.

Por exemplo algumas barras de proteínas – que são consideradas saudáveis – são cheias de açúcar. Pode ter até 30 gramas de açúcar em uma barrinha protéica! Portanto se você está lendo rótulos, preste atenção nos diferentes tipos de açúcar que existe em um alimento só.

Existe açúcar nos alimentos que você menos imagina

É de conhecimento geral que um pedaço de bolo ou um doce, possui muito açúcar em sua composição. Porém, as empresas do ramo alimentício adicionam muito açúcar em alimentos que normalmente não são doces. Exemplos incluem cereais matinais, iogurte e até molho de tomate! Alguns iogurtes podem conter até 29 gramas de açúcar e um potinho só. Muitas pessoas não se dão por conta da quantidade de açúcar que os alimentos possuem e assim não possuem ideia da quantidade de açúcar que consomem diariamente. Portanto se você está comprando alimentos ou ingredientes que foram embalados previamente o que são processados, leia o rótulo e cheque a quantidade de açúcares na composição – mesmo que o tal alimento seja dito saudável.

Usar açúcares saudáveis ao invés do refinado comum

Companhias alimentícias fazem com que seus produtos pareçam mais saudáveis ao trocar o açúcar refinado por um adoçante considerado mais saudável. Esses açúcares não refinados são feitos normalmente da cana ou de frutas, flores e sementes. Eles também podem ter origem animal – como o mel, por exemplo. Produtos que possuem esses açúcares saudáveis normalmente possuem em suas embalagens as frases “não contém açúcar refinado” ou “livre de açúcares refinados”. Isso quer dizer que esses produtos não contém o açúcar branco refinado, mas não quer dizer que eles não contém nenhum tipo de açúcar.

Esses outros açúcares podem parecer mais saudáveis, já que alguns deles possuem índices glicêmicos mais baixos que o açúcar refinado. Porém, a quantidade de nutrientes que esses açúcares fornecem é bem baixa e mesmo que eles não sejam açúcares refinados, ainda são processados.

Combinar açúcares refinados com açúcares naturais

Algumas comidas como as frutas, vegetais e laticínios contém açúcares naturais em sua composição. Diferente dos açúcares processados, eles não são um problema. Isso é porque açúcares naturais são muito difíceis de serem consumidos em excesso. Além disso, comer os alimentos que os contêm nos provê muitos outros nutrientes benéficos. Por exemplo um copo de leite contém 13 gramas de açúcar. Mas também contém 8 gramas de proteína e um quarto do que você precisa consumir de cálcio e vitamina D diariamente. A mesma quantidade de Coca-Cola contém o dobro de açúcar e um total de 0 nutrientes.

Um dos problemas dos rótulos é que eles não listam a quantidade de açúcar que é natural do alimento e a quantidade que é processada. Eles combinam todo o açúcar em um valor só. Isso torna difícil de identifica o quando é natural e o quanto não é. Comer em grande quantidade

Normalmente as informações nutricionais que estão no rótulo se referem a pequenas porções. Isso quer dizer que existem várias mini porções dentro de um pacote e desse modo, quando você vê a informação nutricional com valores baixos, acaba não calculando as quantidades reais. Para fugir dessa armadilha, localize o tamanho da porção que consta na tabela e o peso do produto. Faça as contas e decida se esse alimento é bom para você.

Aprendeu os truques? Agora você já sabe: foi no mercado, cheque a embalagem.

BemEstarmômetro

O Medictando lhe ajuda a aumentar sua saúde, qualidade de vida, bem-estar e felicidade, colaborando para o bem viver da humanidade. Nos ajude a mapear o bem que produzimos! Informe no que este artigo lhe ajudou:

Share This

Hoje eu estou em busca de...

Saúde... Bem-estar... Qualidade de vida... Realização de um sonho... Felicidade... ...e quero INSPIRAÇÃO para chegar lá! 

You have Successfully Subscribed!