ansiedade-e-yoga-site

A ansiedade é um problema que afeta milhões de pessoas no mundo todo. Estudos apontam que muitos estudantes universitários se sentem isolados, incomodados, instáveis e frágeis emocionalmente. Talvez isso tenha acontecido pelo uso desenfreado de redes sociais – estamos o tempo todo checando quantos likes tivemos no instagram, para definirmos o nosso valor pessoal. As redes sociais tem um potencial incrível para diversas coisas. Porém quando o tema é o consumo delas, a ansiedade tem seus níveis elevados ao máximo.

A principal definição de ansiedade é o sentimento de preocupação sobre o futuro, sobre coisas ruins que não aconteceram ainda e que provavelmente nem acontecerão. Como a ansiedade é algo ligado ao futuro, qualquer coisa que faça a pessoa focar no presente é válida. Como podemos ajudar a limpar a nossa mente que não para um segundo e encontrar momentos de tranquilidade, confiabilidade e amor próprio? Já pensou em fazer yoga para obter tudo isso?

Pense comigo: quando estamos usando nossos celulares estamos com ele perto do nosso rosto e com os ombros enrijecidos, o que nos leva a desenvolver uma má postura. Quando estamos estressados, emoções negativas causam tensão no nosso quadril. Além do mais, diversas atividades do dia a dia deixam o nosso corpo tenso e duro.

Pare o que você está fazendo e preste atenção no que eu vou lhe dizer e faça. Preste atenção na sua respiração. Inale pelo nariz o ar e devagar exale ele pela boca. Estique sua coluna, relaxe seus ombros, libere a tensão no seu maxilar e feche seus olhos. Deixe seu corpo ficar preso nesse momento e deixe ir embora tudo aquilo que não te faz bem. É bom fazer isso e se sentir mais relaxado, não é mesmo? Portanto, incorpore isso no seu dia a dia para que você consiga se acalmar e reduzir os níveis de ansiedade no seu dia a dia. Quando você sentir que tudo está acontecendo rápido demais, que não está dando conta das coisas que você está a ponto de entrar em colapso nervoso, pare tudo. Largue seu celular por um tempo e pratique yoga. Você não vai se arrepender.

Resultado de imagem para someone meditating

Conheça seis maneiras de relaxar a sua ansiedade através da prática de yoga

Escolha uma meta

Uma meta pode ser qualquer coisa que apareça na sua mente quando você pensa em um porquê para se dedicar a fazer algo. Algo que você quer se livrar, alguém que você ama ou um mantra que você repete sempre. Se você está tendo problemas para escolher uma meta, pense na frase “Eu sou suficiente”. Fale isso durante a sua prática de yoga. Você é o suficiente

Incorpore pranayamas (exercícios de respiração criados pelos yogis mais antigos) na sua prática

Prana significa “energia vital” e yama significa “controle ou maestria de”. Pense em como carregamos nossos telefones celulares todos os dias antes de irmos dormir. é o mesmo conceito, exceto que iremos recarregar nossa mente. Ter noção e consciência da nossa respiração pode soltar o stress e aumentar a claridade mental. Pode parecer besteira, mas a respiração nos ajuda – e muito – a nos acalmar e a mandar o stress para bem longe.

Pratique saudações ao sol (Surya Namaskar) no início de cada prática, para aquecer seu corpo e limpar sua mente

Conecte a sua respiração com seus movimentos, dedicando a cada movimento uma inalação ou exalação. Esses são os momentos perfeitos para deixar toda a negatividade ir embora. Suryas também são um exercício, então deixar-se ir com elas, combinando isso com uma respiração adequada e consciente, deixa sua mente ocupada e pouco espaço para você pensar besteira.

Reverta as suas posições de sentar na cadeira e no sofá com poses como a do arco, camelo ou da roda

A vulnerabilidade e a suavidade são coisas lindas, e a yoga lembra de nos mantermos suaves durante tempos difíceis, como um coração partido por exemplo. A yoga nos ajuda a abrir nossos corações através de posições que visam expandir a caixa torácica como a do arco, a do camelo ou da roda. Não importa o estado do seu coração, sempre o deixe aberto.

Solte a tensão do seu quadril com poses de quadril

Nós raramente pensamos nos nossos quadris, mas eles são um lugar muito importante. É lá que emoções antigas ficam guardadas. Esses alongamentos podem parecer intensos de início, mas com uma prática regular fica fácil de aprender. Uma das melhores posições para alongar o quadril e liberar emoções ruins é a posição do pombo, já que ela traz muitos benefícios além de abrir seu quadril, como melhorar a postura, melhorar a dor no nervo ciático e alongamento. Preste atenção em como o seu corpo se sente nas posições de quadril. Monitore sua respiração e preste atenção a sua inalação e exalação. Elas irão te ajudar a ficar ancorado no presente.

Separe cinco minutos para ficar em pose de meditação

Muitas pessoas pulam essa posição se estão com o tempo apertado, mas talvez seja porque ela é a pose mais importante e mais difícil se todas. Deitar nas suas costas e meditar é muito mais difícil do que fazer uma parada de mão. Conquistar a mente é uma tarefa muito mais difícil do que todas as demandas físicas do yoga.

Não importa o quanto nós queiramos, é um desafio fazer os nossos corpos e mentes relaxar logo. Entretanto com tempo e prática, nós conseguiramos relaxar a musculatura do nosso corpo músculo por músculo e pensamento por pensamento.

Enquanto você estiver deitado na pose de meditação e de olhos fechados, solte toda a tensão que existe no seu corpo. O seu rosto, maxilar, ombros, pontas dos dedos e costas. Simplesmente exista. Só você e sua respiração. Aproveite esse tempo de relaxamento e agradeça o seu corpo por todo o esforço físico realizado por ele durante a sua prática.

Incorporar qualquer uma dessas coisas na sua rotina pode mudar o seu dia, calar as vozes que duvidam de você e acalmar seu corpo e mente. Nós nos cobramos tanto no trabalho, escola e na sociedade que simplesmente viver, pode se tornar uma tarefa bem difícil.

Acesse o nosso I Workshop do Programa de Emagrecimento Sustentável em 7 Passos.

Banner do site Reinehr.org