*Por Leo Babauta.

Breve introdução: Este é o primeiro se uma série de dez posts com as melhores dicas para impulsionar a produtividade de qualquer pessoa – pequenos truques para fazer com que se chegue ao ápice da produtividade. Depois dos dez posts, será feito um último para repassar tudo o que vimos até aqui.

Dica de Produtividade n. 1: Trabalhe com o que você gosta

Essa primeira dica pode até não parecer muito tradicional, mas pense um pouco: se você quer muito alguma coisa, vai mover montanhas para conseguir. Provavelmente você irá se dedicar muito mais, abrindo mão de horas de descanso, e sentirá menos vontade de procrastinar. Você perde tempo e procrastina apenas quando faz o que não gosta.

Para muitas pessoas, essa dica não parece muito prática, principalmente se estiverem presas à um emprego maçante do qual elas não se sintam parte. Se você está entre essas pessoas, então essa dica veste como uma luva: se você odeia seu emprego e o mantém apenas por dinheiro, eu recomendo que você tire um tempo para repensar sua situação. Se você precisa de forçar a trabalhar todos os dias, isso vai durar apenas até você entrar em colapso – e você vai acabar pedindo demissão de qualquer forma, mais cedo ou mais tarde; então pense um pouco sobre isso.

 

O que você gostaria de estar fazendo neste momento?

Não vale dizer que queria estar dormindo!

Pelo o que você é apaixonado? Qual seu emprego dos sonhos? O que você pode fazer para atingi-lo? Pense um pouco a respeito, e não apenas agora, mas pelos próximos dias. Se você conseguir descobrir com o que você gostaria de trabalhar, esboce um plano para detalhar o que precisa ser feito para você conseguir.

 

Algumas sugestões:

Pesquise: Quem trabalha com o que você gostaria de estar trabalhando? Quais as experiências dessas pessoas? Como conseguiram o emprego? Quais são os requisitos? Pesquise online o que você puder, pergunte para quem você conhece, contate essas pessoas. Quanto mais informações você tiver, melhor.

Quais são seus obstáculos? O que você precisa fazer para chegar onde quer? Estudar? Conhecer as pessoas-chave? Desenvolver habilidades? Ou apenas preencher um formulário? Reflita sobre isso.

Esboce um plano: Pense em algumas soluções para os obstáculos que você encontrou acima. Caso você precise estudar ou se capacitar para desenvolver alguma habilidade, você não conseguirá por seu plano em prática da noite pro dia, mas se você não planejar isso logo, pode nunca conseguir seu emprego dos sonhos. Abra você mesmo uma trilha para o sucesso.

Haja: Não fique com a bunda no sofá esperando pela oportunidade certa acertar em cheio a sua cara: saia de casa para procurar e agarrar esta oportunidade. Execute o seu plano – realize pelo menos uma das tarefas dele todos os dias, até você conseguir. Pode parecer que nunca vai acontecer, mas se você agir, você conseguirá realizar todos os seus sonhos um dia.

Seja persistente: Não desista simplesmente porque você ouviu alguns nãos (ou vários). Continue batendo em portas, fazendo ligações, enviando seu currículo, agendando entrevistas. Nunca desista. Quem persiste sempre ultrapassa aquele que deixa o jogo.

 

Descubra seu emprego dos sonhos e faça o que for preciso para consegui-lo. Aí, talvez, você não precisará das outras nove dicas.

 

Fonte da imagem: Free-Photos/Pixabay.

Banner do site Reinehr.org