Pets também sofrem com obesidade, e ela é tão preocupante no mundo animal quanto é entre humanos.

Isso faz com que nossos animais de estimação sejam ótima companhias para uma rotina fitness. Mesmo nos casos de pessoas que não se importam tanto com sua própria saúde, ter de cuidar de seu pet acaba trazendo benefícios também para o lado humano da relação, incentivando uma rotina de exercícios e alimentação balanceada para ambos.

Abaixo listamos algumas dicas bacanas para você começar a promover o seu bem-estar físico com quem está sempre do seu lado. Ou no seu colo.

 

Saia para passear

Apesar de super clichê, passear é um dos exercícios mais benéficos para ambos. Correr ou não, tanto faz. A questão é que seu pet precisa sair de casa, e tirá-lo de sua zona de conforto vai trazer muito mais benefícios além de algumas calorias perdidas.

Estar exposto à luz solar, por exemplo, reduz o risco de humanos desenvolverem Desordem Afetiva Sazonal (SAD), aquela melancolia tradicional de inverno. Além disso, médicos recomendam caminhadas regulares para reduzir o risco de derrames, além de comprovadamente ajudar a controlar a pressão sangúinea.

Se você não tem tempo para uma caminhada longa de uma só vez, tire seu animalzinho de casa duas ou três vezes no dia para passeios de 15 a 30 minutos.

 

Brinque com seu gato

Apesar de ser cada vez mais comum ver pessoas passeando com seus gatos em pequenas coleiras, alguns bichanos não gostam muito de sair de casa de forma forçada. Mas todos adoram brincar, especialmente com brinquedos felpudos ou com penas.

Pode parecer trivial para várias pessoas, mas arrumar um rolo de lã e arremessá-lo para seu gato pode ajudar o felino a perder peso e te ajudar a fortalecer alguns músculos, pois quando se trata de perder peso, qualquer movimento importa. Agachar-se e levantar-se periodicamente, como brincar com um gato exige, faz com que você perca algumas calorias e te ajuda a definir e fortalecer os músculos da coxas, por exemplo.

 

Optem por uma dieta saudável

Isso mesmo: optem. Os animais também precisam se hidratar e de uma dieta equilibrada, por isso manter o potinho de água sempre cheio e selecionar boas rações é essencial. Além disso, aqueles biscoitos e petiscos costumam conter muita gordura. Para os animais, é o equivalente de um hambúrguer com batatas fritas: é gostoso, mas não se pode exagerar. Vários legumes, frutas e vegetais, por outro lado, fazem muto bem para eles, e podem substituir os populares snacks de pet shop.

Caso seu amigo não goste muito dessas opções saudáveis, tente comer com ele (mas não no mesmo potinho, hein!), isso pode incentivá-lo a experimentar.

 

Caso você não ache isso suficiente, uma pesquisa recente¹, por exemplo, mostrou que animais oferecem grande suporte emocional e social para seres humanos, aumentando a sensação de bem-estar e, até mesmo, fazendo com que lidemos de forma mais parcimoniosa aos conflitos com outras pessoas.

Talvez seja a hora de sacudir o pó da guia de passeio e calçar os tênis de corrida: nossos amigos estão sempre dispostos.

 

¹Para acessar a pesquisa citada (em inglês), clique AQUI.

 

Fonte da imagem: sevenpixx/Pixabay.

Banner do site Reinehr.org